Homem é preso suspeito de participar de latrocínio em Japonvar; vítima tinha 83 anos e teve aposentadoria roubada

Fonte: G1 Grande Minas

Um homem foi preso suspeito de participar de um latrocínio em Japonvar (MG). A vítima, uma idosa de 83 anos, foi encontrada com um cobertor amarrado no pescoço e com vários ferimentos pelo corpo. O crime ocorreu em 29 de julho.

Segundo as informações divulgadas pela Polícia Civil nesta quarta-feira (29), quatro suspeitos foram identificados, sendo que três já estão detidos.

Os nomes dos três homens não foram divulgados e suas defesas não foram localizadas pelo g1. Se algum advogado se manifestar, esta reportagem poderá ser atualizada.

“Na ocasião, a residência da idosa estava toda revirada, o guarda-roupas dela estava aberto e várias roupas estavam espalhadas pelo chão. Os envolvidos subtraíram todo o valor da aposentadoria da idosa, aproximadamente R$ 4 mil”, divulgou a PCMG.

Ainda de acordo com a polícia, no dia do latrocínio, um suspeito foi preso em flagrante. A investigação aponta que ele era vizinho da vítima e foi o responsável por repassar informações sobre a rotina da mulher.

Segundo a Polícia Civil, quatro suspeitos foram identificados, sendo que três já estão detidos.

Em suas declarações, o suspeito confessou a participação no crime e apontou o envolvimento de outro homem, que também foi detido dias depois.

“De acordo com os envolvidos, eles resolveram matar a vítima porque ela estava gritando muito, para evitar que fossem descobertos.”

No decorrer da investigação, os policiais identificaram outros dois suspeitos. De acordo com a PCMG, o que foi preso nesta semana “apresentou três álibis distintos para o dia dos fatos, nenhum deles foi confirmado.”

O quarto suspeito é considerado foragido. Ao saber que foi descoberto, ele deixou a cidade pegando carona em um caminhão.

Os três presos estão à disposição da Justiça no Sistema Prisional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *