Preso suspeito de estupro e roubo contra idosa em Bocaiuva

Fonte: Clube 91,5 FM

Um homem, de 33 anos, foi preso neste domingo (12), no Distrito Industrial, em Bocaiuva (MG), suspeito de estuprar e roubar uma idosa, de 64 anos, no Bairro Nossa Senhora Aparecida, na cidade.

Segundo informou à reportagem da Clube 91,5 FM, Capitão Michael Stephan, da Companhia de Polícia Militar local, o homem teria entrado na casa da vítima, e cometido estupro e ainda subtraído dinheiro e um celular.

O fato ocorreu entre a noite de sexta-feira (10) e na madrugada de sábado (11) – a mulher chegou a ficar 3 horas sobre o domínio do autor, de acordo com capitão Stepahn. Após o crime, o homem fugiu para um matagal.

Ainda segundo capitão Stephan (foto) “a polícia conseguiu falar por telefone com o suspeito que foi convencido a se entregar”.

Seguindo para o local indicado por ele, no Bairro Distrito Industrial, saída de Bocaiuva para Guaraciama, a PM conseguiu a prisão do autor.

O homem foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Bocaiuva, onde o delegado Leonardo Diniz efetuou a prisão dele. Ele tem passagem por roubo e ameaça, falsa comunicação de crime e tentativa de suicídio.

Inquérito da Polícia Civil

O delegado de Polícia de Bocaiuva (MG), Leonardo Diniz (foto), efetuou na manhã desta segunda-feira (13) o flagrante delito contra o acusado de estuprar e roubar a idosa de 64 anos.

De acordo com o delegado, a idosa chegou a ficar cerca de 3 horas sobre o domínio do criminoso que, além da violência sexual, subtraiu dela R$100 e um aparelho celular.

Dr. Leonardo informou a reportagem da Clube que “o autor (que estava nas festividades do Sagrado Coração), confessou a um amigo que forçou uma mulher a praticar sexo com ele e que tinha receio da polícia”.

O inquérito vai ser encaminhado à Justiça, no qual, segundo o delegado, há provas suficientes contra o acusado.

Drº Leonardo disse também que ele deve seguir preso, uma vez que, diante dos fatos não acredita que o mesmo seja liberado em audiência de custódia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *